Facebook
Contato
Mapa do Site
Acessibilidade
A+
A-
Contraste
Retornar acessibilidade

Notícia

Conselhos municipais de saúde se reúnem no Cisbaf


Publicado em: 19/07/2019 12:49 | Fonte/Agência: Comunicação Social CISBAF | Autor: Claudia Souza

Conselhos municipais de saúde se reúnem no Cisbaf

 

Objetivo do encontro foi apresentar as principais ações regionais definidas

  

O Cisbaf reuniu os Conselhos Municipais de Saúde, no dia 18 de julho, para a apresentação dos projetos da Baixada Fluminense definidos regionalmente. O objetivo do encontro, que atende ao Estatuto e ao Protocolo de Intenções do Cisbaf, é dar visibilidade às iniciativas do consórcio e decisões tomadas conjuntamente, entre prefeitos e secretários de Saúde, bem como fornecer os esclarecimentos necessários.

Primeiramente, a secretária executiva do Cisbaf, Rosangela Bello, mostrou os dados do Samu 192, detalhando disponibilidade de viaturas por município, quantidade de atendimentos realizados, principais razões de solicitação do serviço, assim como a implantação de tablets em alguns municípios que ainda não dispunham da tecnologia. Com o uso da tecnologia, o consórcio, responsável pela gestão da Central de Regulação na Baixada Fluminense, consegue reduzir o tempo de atendimento às vítimas, monitorar em tempo real a atuação das equipes até a finalização da ocorrência.

Os conselheiros conheceram detalhes da agenda regional definida entre os gestores e o secretário estadual de Saúde, Edmar Santos, como a contratualização de leitos de retaguarda (reativação de hospitais públicos fechados e contratação na rede privada), a expansão da Estratégia Saúde da Família alcançando 70%, a descentralização da distribuição de medicamentos de alto custo, o cofinanciamento para unidades de saúde municipais, a repactuação do custeio do Hospital Geral de Nova Iguaçu junto ao governo federal (criação de modelo de cofinanciamento para hospitais regionais), dentre outros.

A reunião apresentou ainda as decisões das reuniões regionais de urgência e emergência, a grade de cursos de capacitação ministrados pelo Núcleo de Educação Permanente da Baixada Fluminense (NEP/CISBAF), as licitações conjuntas feitas pelo Cisbaf na modalidade registro de preços e o relatório dos exames de média e alta complexidade e das consultas especializadas realizados através do Programa Marque Fácil.

– É essencial darmos ciência aos conselheiros sobre as decisões tomadas na região, apresentarmos as dificuldades comuns aos municípios e os caminhos que estão sendo debatidos e planejados para solucionar os principais desafios na área da saúde. Assim, os conselheiros podem ser importantes aliados, não somente na discussão, como também no apoio aos projetos – explica Rosangela Bello.  

 

 

 

 

 


Voltar
Top