Facebook
Contato
Mapa do Site
Acessibilidade
A+
A-
Contraste
Retornar acessibilidade

Notícia

Cisbaf reúne secretário de estado, prefeitos e gestores municipais da Saúde


Publicado em: 02/07/2019 16:24 | Fonte/Agência: Comunicação Social CISBAF | Autor: Claudia Souza

Cisbaf reúne secretário de estado, prefeitos e gestores municipais da Saúde

 

Pauta tratou do projeto estadual para a saúde da Baixada Fluminense

  

Prefeitos e secretários de Saúde da Baixada Fluminense se reuniram nesta terça-feira (02) com o secretário estadual de Saúde, Edmar Santos, no Cisbaf, onde abordaram os principais projetos a serem realizados em âmbito regional com o apoio técnico e financeiro do governo do estado. Contratualização de leitos de retaguarda, expansão da Estratégia Saúde da Família, descentralização da distribuição de medicamentos de alto custo e cofinanciamento para unidades de saúde municipais foram alguns pontos debatidos. 

O presidente do Cisbaf, o prefeito Dr. João, deu as boas-vindas a todos e agradeceu a presença do secretário estadual no debate dos problemas comuns aos gestores da Baixada. Para ilustrar melhor os principais gargalos do setor, a secretária executiva do Cisbaf, Rosangela Bello, fez uma breve explanação dos números da saúde. 

De maneira objetiva, o secretário estadual Edmar Santos falou sobre o projeto desenhado para a saúde da Baixada Fluminense. Dentre as ações a serem implementadas estão previstas: repactuação do custeio do Hospital Geral de Nova Iguaçu junto ao governo federal; reativação de alguns hospitais fechados na região para criação de leitos de retaguarda; estímulo ao incremento da atenção básica para 70% de cobertura;  reestruturação das unidades de pronto-atendimento estaduais, tornando-as melhor equipadas e resolutivas; criação do Serviço de Verificação de Óbitos móvel; descentralização da distribuição de medicamentos de alto custo por meio de polos regionais, dentre outras iniciativas. 

O secretário estadual ressaltou a importância do foco, por parte dos prefeitos e secretários de Saúde, na ampliação da atenção básica, evitando a complicação das patologias e as internações sempre onerosas aos municípios. "Desde que assumi a gestão, a Secretaria de Estado de Saúde já publicou seis Portarias de cofinanciamento, sem falar no aumento do repasse de custeio do HGNI de R$ 1,5 milhão mensais para R$ 5 milhões. Dessa forma, os prefeitos e gestores da pasta ficam mais desonerados para investirem na atenção básica qualificada e resolutiva", observou Edmar. 

Rosangela Bello aproveitou o encontro e atualizou informações sobre o Programa Marque Fácil, que começou a oferecer consultas em algumas especialidades como psiquiatria, neurologia infantil e adulto, pneumologia, etc. "Estamos com vagas nos consultórios privados em decorrência da crise que afetou os planos de saúde. Dessa forma, aumentando a nossa oferta de serviços, estamos conseguindo reduzir a fila de espera e os custos dos municípios aderidos ao programa, já que não necessitam contratar médicos e montar toda a estrutura para funcionar", complementou. 

Ao final do encontro, o presidente do Cisbaf, Dr. João, agradeceu a vinda do secretário Edmar Santos, enfatizando a relevância da aproximação do governo do estado com a Baixada Fluminense. Completou ainda mencionando a presença do promotor federal, Leonardo Gonçalves, que pela primeira vez participa de uma reunião regional da saúde no Cisbaf.

 

 


Voltar
Top