Facebook
Contato
Mapa do Site
Acessibilidade
A+
A-
Contraste
Retornar acessibilidade

Notícia

Estado, gestores e Promotoria de Justiça se reúnem pra debater a urgência e emergência na Baixada


Publicado em: 15/05/2019 17:11 | Fonte/Agência: Comunicação Social CISBAF | Autor: Claudia Souza

Estado, gestores e Promotoria de Justiça se reúnem pra debater a urgência e emergência na Baixada

 

  

Equipes técnicas da SES – Secretaria de Estado de Saúde (SGAIS / SUPH) e do Cisbaf – Consórcio Intermunicipal de Saúde da Baixada Fluminense, a Promotoria da Tutela Coletiva da Saúde da Metropolitana I, secretários municipais de saúde, coordenadores de Urgência e Emergência, e diretores dos principais hospitais da Baixada Fluminense, se reuniram nesta quarta-feira (15), na sede do consórcio, para discutir possíveis dificuldades no cumprimento da grade de referências da Rede de Urgência e Emergência, acordada e aprovada em CIB – Comissão Intergestores Bipartite ano passado.

Para desafogar o Hospital da Posse, o diretor geral Joé Sestello, enfatiza a necessidade de contar com leitos de retaguarda em outras unidades hospitalares para transferência dos pacientes estabilizados, que permanecem em tratamento. A falta de leitos de retaguarda na Baixada Fluminense é um dos principais desafios enfrentados pelos gestores que contam com o apoio financeiro do governo do estado.

As sugestões apresentadas no curto prazo são a “reserva” de leitos em alguns hospitais estaduais para os pacientes da Baixada e a contratação de leitos na rede privada instalada na região. “Esse leito no momento é fundamental para desafogar os três únicos hospitais da Baixada (Hospital Geral de Nova Iguaçu, Hospital Municipal Moacyr do Carmo e Hospital Estadual Adão Pereira Nunes)”, enfatiza a secretária executiva do Cisbaf, Rosangela Bello.

Outros pontos importantes foram abordados, como a necessidade de expansão da cobertura da Estratégia de Saúde da Família nos municípios; o cofinanciamento pela secretaria estadual de Saúde de alguns hospitais de médio e grande porte na região; a uniformização das portas de entrada de urgência e emergência, que incluem resolver o imbróglio da governabilidade municipal nas UPAs estaduais, dentre outros.

Participaram da reunião da Secretaria de Estado de Saúde (SES-RJ): Eduardo Lenine (Coordenador da Urgência e Emergência), representando o Superintendente de Unidades Próprias, José Perrota de Carvalho, Ana Cristina Murai (SES-RJ/SGAIS), Silvana Pereira (SES-RJ/SUH), Elson Santos de Oliveira (SES-RJ/SUPH), Anderson Fagundes (SUH/SGAIS/SES-RJ), Cassio de Carvalho (RT/SMS-RJ/SUBREG); da Secretaria Municipal de Saúde de Belford Roxo: Arthur Amaral (Secretário Adjunto de Saúde), Joelma Freitas (Diretora de Urgência e Emergência); da Secretaria Municipal de Saúde de Duque de Caxias: José Carlos de Oliveira (Secretário de Saúde), Patrícia Neves (Diretora Médica do Hospital Municipal Moacyr Rodrigues do Carmo), Sérgio Oliveira (Assessor Técnico); da Secretaria Municipal de Saúde de Itaguaí: Diego Seferin (Coordenador Samu), Dulce Maria de Souza (Diretora de Planejamento); da Secretaria Municipal de Saúde de Japeri: José de Oliveira (Coordenador Samu), Rafael Coelho Fonseca (Secretário Executivo); da Secretaria Municipal de Saúde de Magé: Carlos Nery (Coordenador Vigilância), Marcelo Nogueira (Coordenador Samu); da Secretaria Municipal de Saúde de Mesquita: Emersom Trindade (Secretário de Saúde), Jefferson Ramos (Coordenador Samu); da Secretaria Municipal de Saúde de Nilópolis: João Ricardo Tinoco (Diretor Samu); da Secretaria Municipal de Saúde de Nova Iguaçu: Christian Ferreira (Subsecretário de Urgência e Emergência), Délio Barboza de Sá (Coordenador Samu), Joé Sestello (Diretor Geral do Hospital Geral de Nova Iguaçu); da Secretaria Municipal de Saúde de Queimados: Lívia Guedes (Secretária de Saúde), Altamiro Costa (Assessor Técnico); da Secretaria Municipal de Saúde de São João de Meriti: Marilourdes dos Santos (Subsecretária de Saúde), Altair Soares (Diretor do PAM Meriti), Luis Felipe Silva (Superintendente da Urgência e Emergência); da Secretaria Municipal de Saúde de Seropédica: Carlos Graça (Secretário de Saúde), Carlos Augusto Vidal (Coordenador Samu); da Secretaria Municipal de Saúde de Paracambi: Marcelo José Rozzeto (Subsecretário de Saúde), Luana Benevenuto (Coordenadora Samu); Isabel Kalmann (Promotora da 1ª Promotoria de Justiça de Tutela Coletiva de Saúde da Metropolitana I); Manoel Moreira (Diretor Geral do Hospital Estadual Adão Pereira Nunes); Jupyraci Gomes Damasceno (Diretor Técnico do Hospital Estadual Adão Pereira Nunes), Alessandra Cordeiro de Freitas (Coordenação NIR Hospital Estadual Adão Pereira Nunes).


Voltar
Top